Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 


PROJETO DE EXEMPLO


Para exemplificar melhor a utilização do BlueJ vamos criar um pequeno projeto chamado ProjetoEmpresa. O projeto conterá duas classes, Empresa e Empregado.

A função do projeto é incluir um funcionário em um departamento assim que o programa for executado. Informaremos o nome, o departamento e o salário do funcionário. Em seguida as informações serão exibidas em um terminal.

Vamos começar criando a classe Empregado, que será responsável pela estrutura dos objetos Empregado. Clique duas vezes sobre a classe Empregado para abrir o editor de código e digite o código abaixo:

Obs: Quando uma classe é criada pelo BlueJ ela já contém alguns trechos de código de exemplo. Você pode apagar tudo e limpar a tela para inserir os códigos corretos.

//Importando a classe DecimalFormat
//para formatação de valores em moeda
import java.text.DecimalFormat;

public class Empregado{

    //Declarando os atributos
    public int codigo;
    public String nome;
    public String depto;
    public double salario;
    
    //Declarando um objeto DecimalFormat
    DecimalFormat df = new DecimalFormat("##,##0.00");
    
    //Método que mostra as informações
    //do empregado
    public String mostrar(){
        String res = "";
        res += "Código: "+codigo;
        res += "\nNome: "+nome.toUpperCase();
        res += "\nDepartamento: "+depto;
        res += "\nSalário: R$ "+df.format(salario);
        return res;
    }
    
}

Agora feche o editor e clique duas vezes sobre a classe Empresa para incluirmos o código abaixo:

public class Empresa{

    //Método principal, que inicia a execução
    public static void main(String[] args){
        
        //Criando um objeto empregado
        Empregado empregado = new Empregado();
        
        //Preenchendo as informações do empregado
        empregado.codigo = 1;
        empregado.nome = "Fulano da Silva";
        empregado.depto = "Vendas de Peças";
        empregado.salario = 1500.25;
        
        //Exibindo as informações no terminal
        System.out.println(empregado.mostrar());
        
    }
}

Feche o editor. Compile o projeto, selecionando as duas classes e clicando no botão Compile.

Execute o aplicativo clicando com o botão direito sobre a classe Empresa e escolhendo a opção void main(String[] args), que é o acesso ao método principal da classe, conforme figura abaixo:

  Como executar um aplicativo no BlueJ

 

Na pequena janela que será aberta, solicitando parâmetros para a execução, não informe nenhum parâmetro e simplesmente clique em Ok.

O aplicativo será executado, criando o objeto Empregado, preenchendo as suas informações e exibindo o resultado em um terminal do BlueJ, que é uma tela igual a esta:

 

Terminal de execução do BlueJ

 

Pronto. Seu aplicativo criado com o BlueJ foi executado.

Viu só como é simples utilizar esta ferramenta. Aprender Java nunca foi tão fácil.

 

CRIANDO UM APLICATIVO INDEPENDENTE

Pode ser que vc queira executar seu aplicativo de forma independente, sem necessitar utilizar a interface do BlueJ. Isto também é muito simples. Basta criar um arquivo Jar, que é um arquivo java compilado.

Para criar um arquivo Jar compile seu projeto e vá até a opção Project --> Create Jar File.... Na janela que será aberta escolha qual é a classe que contém o método principal (aquele que inicia a execução do aplicativo) e clique em Continue. Em seguida escolha um nome e uma localização para o arquivo e conclua a operação.

Agora você pode executar seu aplicativo de forma independente, bastando que na máquina esteja instalada a Máquina Virtual do Java, o famoso JRE (Java Runtime Environment).

 

APROFUNDANDO O CONHECIMENTO

Além destas funções básicas o BlueJ oferece uma enorme variedade de recursos avançados. Entre eles estão:

  • Criação de arquivo README com informações sobre o projeto;
  • Criação de pontos de interrupção (Breakpoint) para debugar o código;
  • Elaboração automatizada de documentação do projeto;
  • Integração com JUnit;
  • Criação e edição de teclas de atalho; e
  • Inspeção de objetos.

Para conhecer mais a respeito da ferramenta consulte o tutorial e o restante da documentação do BlueJ nos links abaixo:

Tutorial (em português): http://www.bluej.org/tutorial/tutorial-portuguese.pdf

Tutorial (em inglês): http://www.bluej.org/tutorial/tutorial-201.pdf

Documentação do BlueJ (em inglês): http://www.bluej.org/doc/documentation.html

Grupo de discussão (em inglês): http://groups.google.com/group/bluej-discuss

Help e informações (em inglês): http://www.bluej.org/help/help.html

FAQ (em inglês): http://www.bluej.org/help/faq.html

Seja social. Compartilhe!