Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 


INTRODUÇÃO

BlueJ é um ambiente de desenvolvimento Java projetado especificamente para o ensino em um nível introdutório. Foi concebido e implementado pela equipe BlueJ em Deakin University, Melbourne, Austrália, e a University of Kent at Canterbury, UK.

O objetivo do BlueJ é proporcionar um ambiente fácil de usar para o aprendizado da linguagem Java, que facilita o ensino de para alunos do primeiro ano. Ênfase especial foi colocada sobre as técnicas de visualização e interação para criar um ambiente altamente interativo que incentiva a experimentação e exploração.

BlueJ é baseado no sistema Blue, que é um ambiente de ensino e linguagem integrados, desenvolvida na Universidade de Sydney e da Universidade de Monash, na Austrália. BlueJ oferece um ambiente igual ao Blue para a linguagem Java.

O projeto BlueJ começou na Universidade Monash, em Melbourne, depois foi dividido e os projetos migraram para as respectivas localizações.

BlueJ é implementado em Java, e é regularmente testado em Solaris, Linux, Macintosh e várias versões do Windows. Deve funcionar em todas as plataformas que suportem uma recente máquina virtual Java.

O BlueJ oferece as seguintes funcionalidades:

  • ambiente totalmente integrado;
  • mostrar a estrutura de classe gráfica;
  • edição gráfica e textual;
  • built-in editor, compilador, máquina virtual, depurador, etc;
  • interface easy-to-use (fácil de usar), ideal para iniciantes;
  • criação do objeto interativo;
  • chamadas de objetos interativas;
  • teste interativo; e
  • desenvolvimento de aplicações incremental.

Mais informações sobre BlueJ estão disponíveis no http://www.bluej.org. (em inglês, incluindo a fonte original desta introdução).

Ícone BlueRoom (BlueJ)

REQUISITOS

O único pré-requisito para que o BlueJ funcione corretamente, na versão atual, é que o Kit de Desenvolvimento Java (Java Development Kit - JDK), versão 6 ou superior, esteja instalado em seu sistema.

Caso precise baixar e instalar o JDK 6, visite o endereço abaixo:

 

http://www.oracle.com/technetwork/java/javase/downloads/index.html

 

Ao clicar no link para download, na página anteriormente informada, você será redirecionado para outra página onde escolherá a versão correta para o seu sistema e aceitará o contrato de utilização.

Após instalar o JDK 6 você estará apto a instalar e utilizar o BlueJ para criar seus aplicativos em Java.

 

DOWNLOAD E INSTALAÇÃO DO BLUEJ

A versão atual do BlueJ é a 3.0.4. Você pode efetuar o download do BlueJ no seguinte endereço:

 

http://www.bluej.org/download/download.html

 

A instalação é muito simples e não exige maiores conhecimentos que os da instalação de qualquer outro aplicativo para o seu sistema. Para a elaboração deste tutorial foi utilizada a versão para Windows.

No caso do Windows basta executar o instalador que foi baixado anteriormente e seguir as orientações até a conclusão da instalação pelo assistente.

Para outros sistemas, siga as orientações contindas no tutorial oficial, no seguinte endereço:

 

http://www.bluej.org/download/install.html

 

Após terminada a  instalação execute o aplicativo. Na primeira vez que o BlueJ for executado ele tentará encontrar o JDK. Em seguida perguntará se deseja utilizar a versão encontrada ou se deseja informar outra versão.

 

BlueJ - Escolha da versão do JDK

 

Para procurar por outra versão clique em Browse... e navegue pelos diretórios do seu sistema, informando a localização do JDK.

Escolha a versão desejada e clique em Launch para definir a opção escolhida.

Pronto. Agora é só começar a criar seus programas em Java.

 

FUNCIONALIDADES BÁSICAS

Esta é a tela principal do BlueJ, na qual podemos ver o menu de opções acima, alguns botões à esquerda, para acesso rápido às principais funções, a área de modelagem de classes à direita e a área de objetos abaixo:

 

Tela principal do BlueJ

 

A criação de um aplicativo deve ser iniciada pela criação de um PROJETO. O projeto pode ser criado a partir do menu Project --> New Project.... Escolha um diretório para armazenar o projeto e dê um nome para ao mesmo. Dentro do ditetório escolhido será criada uma pasta com o nome do projeto. Dentro da pasta serão criados alguns arquivos de controle do projeto.

Com o projeto criado clique no botão New Class... para criar uma nova CLASSE. Dê um nome para ela na pequena tela que será aberta. Escolha também o tipo de classe que será criada e clique em Ok. Crie quantas classes quiser.

Para criar as associações entre classes utilize os botões que contém as setas. A seta tracejada indica uma relação USES (Usa) e a seta cheia indica uma relação INHERITANCE (Herança).

Para editar o código de uma classe basta dar dois cliques sobre a mesma, ou então clicar com o botão direito sobre a classe e escolher a opção Open Editor. A tela seguinte será exibida:

 

Editor de código do BlueJ

 

Para compilar uma classe clique com o botão direito sobre a mesma e escolha a opção Compile, ou então pressione Ctrl+K.

Para remover uma classe clique com o botão direito sobre a mesma e escolha a opção Remove, ou então pressione Ctrl+Backspace.

As alterações realizadas no editor de código serão também visíveis na área de modelagem, como por exemplo uma herança incluída via código. Da mesma forma as alterações feitas graficamente serão incluídas no código da classe.



PROJETO DE EXEMPLO


Para exemplificar melhor a utilização do BlueJ vamos criar um pequeno projeto chamado ProjetoEmpresa. O projeto conterá duas classes, Empresa e Empregado.

A função do projeto é incluir um funcionário em um departamento assim que o programa for executado. Informaremos o nome, o departamento e o salário do funcionário. Em seguida as informações serão exibidas em um terminal.

Vamos começar criando a classe Empregado, que será responsável pela estrutura dos objetos Empregado. Clique duas vezes sobre a classe Empregado para abrir o editor de código e digite o código abaixo:

Obs: Quando uma classe é criada pelo BlueJ ela já contém alguns trechos de código de exemplo. Você pode apagar tudo e limpar a tela para inserir os códigos corretos.

//Importando a classe DecimalFormat
//para formatação de valores em moeda
import java.text.DecimalFormat;

public class Empregado{

    //Declarando os atributos
    public int codigo;
    public String nome;
    public String depto;
    public double salario;
    
    //Declarando um objeto DecimalFormat
    DecimalFormat df = new DecimalFormat("##,##0.00");
    
    //Método que mostra as informações
    //do empregado
    public String mostrar(){
        String res = "";
        res += "Código: "+codigo;
        res += "\nNome: "+nome.toUpperCase();
        res += "\nDepartamento: "+depto;
        res += "\nSalário: R$ "+df.format(salario);
        return res;
    }
    
}

Agora feche o editor e clique duas vezes sobre a classe Empresa para incluirmos o código abaixo:

public class Empresa{

    //Método principal, que inicia a execução
    public static void main(String[] args){
        
        //Criando um objeto empregado
        Empregado empregado = new Empregado();
        
        //Preenchendo as informações do empregado
        empregado.codigo = 1;
        empregado.nome = "Fulano da Silva";
        empregado.depto = "Vendas de Peças";
        empregado.salario = 1500.25;
        
        //Exibindo as informações no terminal
        System.out.println(empregado.mostrar());
        
    }
}

Feche o editor. Compile o projeto, selecionando as duas classes e clicando no botão Compile.

Execute o aplicativo clicando com o botão direito sobre a classe Empresa e escolhendo a opção void main(String[] args), que é o acesso ao método principal da classe, conforme figura abaixo:

  Como executar um aplicativo no BlueJ

 

Na pequena janela que será aberta, solicitando parâmetros para a execução, não informe nenhum parâmetro e simplesmente clique em Ok.

O aplicativo será executado, criando o objeto Empregado, preenchendo as suas informações e exibindo o resultado em um terminal do BlueJ, que é uma tela igual a esta:

 

Terminal de execução do BlueJ

 

Pronto. Seu aplicativo criado com o BlueJ foi executado.

Viu só como é simples utilizar esta ferramenta. Aprender Java nunca foi tão fácil.

 

CRIANDO UM APLICATIVO INDEPENDENTE

Pode ser que vc queira executar seu aplicativo de forma independente, sem necessitar utilizar a interface do BlueJ. Isto também é muito simples. Basta criar um arquivo Jar, que é um arquivo java compilado.

Para criar um arquivo Jar compile seu projeto e vá até a opção Project --> Create Jar File.... Na janela que será aberta escolha qual é a classe que contém o método principal (aquele que inicia a execução do aplicativo) e clique em Continue. Em seguida escolha um nome e uma localização para o arquivo e conclua a operação.

Agora você pode executar seu aplicativo de forma independente, bastando que na máquina esteja instalada a Máquina Virtual do Java, o famoso JRE (Java Runtime Environment).

 

APROFUNDANDO O CONHECIMENTO

Além destas funções básicas o BlueJ oferece uma enorme variedade de recursos avançados. Entre eles estão:

  • Criação de arquivo README com informações sobre o projeto;
  • Criação de pontos de interrupção (Breakpoint) para debugar o código;
  • Elaboração automatizada de documentação do projeto;
  • Integração com JUnit;
  • Criação e edição de teclas de atalho; e
  • Inspeção de objetos.

Para conhecer mais a respeito da ferramenta consulte o tutorial e o restante da documentação do BlueJ nos links abaixo:

Tutorial (em português): http://www.bluej.org/tutorial/tutorial-portuguese.pdf

Tutorial (em inglês): http://www.bluej.org/tutorial/tutorial-201.pdf

Documentação do BlueJ (em inglês): http://www.bluej.org/doc/documentation.html

Grupo de discussão (em inglês): http://groups.google.com/group/bluej-discuss

Help e informações (em inglês): http://www.bluej.org/help/help.html

FAQ (em inglês): http://www.bluej.org/help/faq.html

Seja social. Compartilhe!